Low Pressure Fitness ou a técnica da barriga negativa

Low Pressure Fitness ou a técnica da barriga negativa

Low Pressure Fitness, mais conhecido no Brasil como Técnica da Barriga Negativa, é um sistema de treino baseado na técnica hipopressiva, que combina o stretching miofascial, a neurodinâmica, a reeducação respiratória em determinadas pautas posturais. Como seu nome indica é o Fitness de baixa pressão, uma vez que incide sobre as principais cadeias musculares ao mesmo tempo que diminui a pressão intra-abdominal.

Em 2006, Piti Pinsach, trabalhando com a técnica hipopressiva (utilizada para tratamento dos distúrbios do assoalho pélvico) conseguiu torná-la multidisciplinar. Ele percebeu que poderia, além de tratar, prevenir doenças, melhorar a performance de atletas e ainda atuar sobre a estética. Foi então que, junto com Tamara Rial, iniciou suas investigações para a confirmação dessas ideias. Em 2013, foi apresentada uma tese de doutorado onde se comprovou benefícios dessa nova modalidade, a qual foi batizada como conceito Low Pressure Fitness (LPF).

Técnica da barriga negativa: sistema de treino baseado na técnica hipopressiva, une o stretching miofascial, neurodinâmica e reeducação respiratória.

Os objetivos do LPF são:

  • Tonificar a musculatura abdomino-perineal;
  • Contribuir para melhorias posturais;
  • Prevenir todos os tipos de hérnias (abdominais, inguinais, disco e vaginais);
  • Regular e/ou regular parâmetros respiratórios;
  • Prevenir e/ou reduzir sintomas de incontinência urinária;
  • Melhorar a gestão de pressão intra-abdominal;
  • Aumentar e regular o retorno venoso;
  • Prevenir lesões articulares e musculares;
  • Proporcionar uma eficaz proteção lombo pélvica;
  • Como todo exercício físico, proporcionar bem-estar e prazer.

Estudos científicos já comprovaram os benefícios do LPF, tais como: melhora da postura, diminuição das dores de coluna, controle e prevenção de incontinência urinária, melhora do funcionamento intestinal, diminuição de até 12 cm da circunferência abdominal e cintura com apenas 3 meses de prática.

Com os benefícios do LPF não é necessário esperar um ano para sentir a mudança, com poucas semanas de prática, já é perceptível a diferença. As aulas têm duração de 30 minutos. Nelas existem uma sequência de posturas em pé, de joelhos, sentada e deitada. O LPF é dividido em 3 níveis e o grau de dificuldade das posturas vai se intensificando conforme seu nível.

Sem comentários

Postar um comentário